Notícias

  • Publicidade Institucional
  • Estudante Internacional

Educação pelos Pares

 

 

O Projeto de Educação pelos Pares surge em 2009, da necessidade de apoiar os estudantes e facilitar a integração no ensino superior, valorizando a participação ativa dos mesmos.

O conceito de educação pelos pares já há muito é assumido na literatura científica, englobando várias modalidades de intervenção: peer counseling/ support, peer mentoring, peer tutoring, peer teaching e peer leader. O aconselhamento por pares tem vantagens em relação ao aconselhamento feito por adultos: os jovens recorrem mais facilmente a amigos da mesma idade.

Atualmente, este Projeto tem como objetivo a promoção do bem-estar e da saúde (física e mental) dos estudantes da ESTESC e a diminuição dos comportamentos de risco. Áreas de intervenção: 1) Integração académica e gestão de stress; 2) Bem-estar e saúde (por exemplo, atividade física, alimentação saudável, boas práticas de sono); 3) Prevenção de comportamentos de risco (por exemplo, comportamentos sexuais de risco e consumo de bebidas alcoólicas) e 4) Comemorações do Dia Mundial da Saúde (7 de abril).

Desde que foi criado estiveram envolvidos no Projeto mais de 150 estudantes como voluntários, 16 docentes e uma funcionária não docente.
As atividades desenvolvidas envolveram largas centenas de estudantes. Por exemplo, só no ano letivo 2012-2013 participaram 1230 estudantes.

Foram estabelecidas parcerias com algumas instituições, das quais destacamos a ARS, a APAV, o CHUC, o Instituto de Drogas e Toxicodependência de Coimbra (já extinto) e diferentes instituições de ensino.

Para além das ações de promoção da saúde, a investigação também é uma prioridade. Foram desenvolvidas duas teses de mestrado e apresentados/publicados diversos trabalhos em eventos científicos nacionais e internacionais, dos quais destacamos: European Congress of Psychiatry, Conference of the European Health Psychology, World Congress of Children and youth health behaviors.

O número de estudantes envolvidos e o tipo de ações desenvolvidas constituem indicadores importantes de uma Escola que se preocupa com a saúde e o bem-estar dos seus estudantes.

A participação como voluntário no Projeto é devidamente certificada no Suplemento ao Diploma.

 

A coordenadora do Projeto de Educação pelos Pares,

Ana Paula Amaral

® ESTESC | Todos os direitos Reservados.   POSI POSI EU W3C css W3C xhtml