Notícias

  • Publicidade Institucional
  • Estudante Internacional

Mudança de par instituição/curso

2019/2020

 [consulte o Manual de Candidaturas]

O QUE É?

Mudança de par instituição/curso é o ato pelo qual um estudante se matricula e/ou inscreve em par instituição/curso diferente daquele em que, em anos letivos anteriores, realizou uma inscrição (n.º1 do artigo 6º do Regulamento dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso do Instituto Politécnico de Coimbra).

QUEM PODE REQUERER A MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO

Podem requerer a mudança para um par instituição/curso os estudantes que:

a) Tenham estado matriculados e inscritos noutro par instituição/curso e não o tenham concluído;

b) Tenham realizado os exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso fixadas para esse par, para esse ano, no âmbito do regime geral de acesso;

c) Tenham, nesses exames, a classificação mínima exigida pela instituição de ensino superior, nesse ano, no âmbito do regime geral de acesso

Atenção: O estudante cuja matrícula e inscrição tenha caducado, por força da aplicação do regime de prescrições em vigor, está impedido de se candidatar aos regimes de mudança de par instituição/curso no ano letivo seguinte ao da prescrição.

DOCUMENTOS

O candidato terá que juntar à sua candidatura, de preferência em formato pdf, a seguinte documentação:

 * Fotocópia do Bilhete de Identidade/cartão de cidadão ou Fotocópia do Passaporte oriundo de país não abrangido por convenções que o dispensem;

 * Historial de candidatura de acesso ao ensino superior;

 * Certidão de aprovação em disciplinas/unidades curriculares com indicação das classificações e respectiva escala, se diferente de 0-20;

 * Certidão de inscrição no curso, com indicação do número de anos em que esteve inscrito e do último ano curricular frequentado;

 * Fotocópia do plano de estudos do curso;

 * Comprovativo de não prescrição na escola de origem;

 * Comprovativo dos conteúdos programáticos das formações obtidas, nomeadamente, programas de disciplinas/unidades curriculares em que obteve aprovação (para efeito de creditação no novo ciclo de estudos, de acordo com o art.º45º do DL nº74/2006 de 24 de Março alterado pelo, alterado pelo DL nº 107/2008 de 25 de Junho).

No caso de estudantes provenientes de sistemas de ensino superior estrangeiros, a candidatura deverá ainda ser instruída com os seguintes documentos:

Documento da Direcção Geral do Ensino Superior a comprovar o nível do curso como superior pela legislação do país em causa em que esteve ou está matriculado e inscrito ou documento emitido pelos serviços do Ministério da tutela do país de origem, declarando que o curso é definido como de ensino superior pela legislação do respectivo país.

Todos os documentos têm que ser autenticados pelos serviços oficiais do respectivo país de origem e entregues em versão traduzida para português, com tradução reconhecida pela autoridade diplomática ou consular portuguesa ou trazer a apostilha da Convenção de Haia, não sendo obrigatória a tradução de documentos cuja língua original seja a espanhola, francesa ou inglesa, desde que devidamente autenticados.

VAGAS *

 CURSO

1º ano

Outros anos curriculares

Audiologia

2

2

Ciências Biomédicas Laboratoriais

2

0

Dietética e Nutrição

3

0

Farmácia

2

0

Fisiologia Clínica

2

0

Fisioterapia

3

0

Imagem Médica e Radioterapia

2

0

Saúde Ambiental

2

3

 * Proposta de vagas sujeita a aprovação.

CALENDÁRIO DE AÇÕES 2019/20  

AÇÃO

PRAZOS

Envio de proposta de constituição de júri aos Serviços da Presidência do IPC, para homologação

Até 11 de fevereiro

Fixação das vagas pelas instituições de ensino Superior, respetiva divulgação nestas e comunicação à DGES

A definir após publicação de despacho do
SEES de acordo com o artigo 25º, do Decreto‐
Lei nº 113/2014, de 16.07

Apresentação das candidaturas nas UO’s do IPC

De 08 de abril a 30 de agosto

Disponibilização das listas seriadas com o resultado das candidaturas e das propostas de indeferimento, devidamente fundamentadas, aos Serviços da Presidência, para homologação

Até 11 de setembro

Disponibilização das listas seriadas homologadas e notificação aos candidatos dos resultados das Candidaturas

Até 13 de setembro

Apresentação das reclamações dos resultados das candidaturas

Até 5 dias úteis após a afixação dos editais (*)

Decisão sobre as reclamações e sua comunicação aos reclamantes

Até 10 dias úteis após a receção da
reclamação (*)

Matrícula e inscrição candidatos colocados

Até 25 de setembro

 * As reclamações podem ainda ser apresentadas e decididas até ao fim dos prazos previstos no Código do Procedimento Administrativo

 

EMOLUMENTOS

A candidatura está sujeita ao pagamento de uma taxa de acordo com a TABELA DE EMOLUMENTOS e deverá ser paga através de multibanco depois de formalizada a inscrição.

INFORMAÇÃO IMPORTANTE

 

® ESTESC | Todos os direitos Reservados.   POSI POSI EU W3C css W3C xhtml