Notícias

  • Publicidade Institucional
  • Estudante Internacional

Mudança de par instituição/curso

2017/2018

(candidaturas a partir de 24 de julho)

O QUE É?

Mudança de par instituição/curso é o ato pelo qual um estudante se matricula e/ou inscreve em par instituição/curso diferente daquele em que, em anos letivos anteriores, realizou uma inscrição (n.º1 do artigo 6º do Regulamento dos Regimes de Reingresso e de Mudança de Par Instituição/Curso do Instituto Politécnico de Coimbra).

QUEM PODE REQUERER A MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO

Podem requerer a mudança para um par instituição/curso os estudantes que:

a) Tenham estado matriculados e inscritos noutro par instituição/curso e não o tenham concluído;

b) Tenham realizado os exames nacionais do ensino secundário correspondentes às provas de ingresso fixadas para esse par, para esse ano, no âmbito do regime geral de acesso;

c) Tenham, nesses exames, a classificação mínima exigida pela instituição de ensino superior, nesse ano, no âmbito do regime geral de acesso

Atenção: O estudante cuja matrícula e inscrição tenha caducado, por força da aplicação do regime de prescrições em vigor, está impedido de se candidatar aos regimes de mudança de par instituição/curso no ano letivo seguinte ao da prescrição.

DOCUMENTOS

O candidato terá que juntar à sua candidatura, de preferência em formato pdf, a seguinte documentação:

 * Fotocópia do Bilhete de Identidade/cartão de cidadão ou Fotocópia do Passaporte oriundo de país não abrangido por convenções que o dispensem;

 * Historial de candidatura de acesso ao ensino superior;

 * Certidão de aprovação em disciplinas/unidades curriculares com indicação das classificações e respectiva escala, se diferente de 0-20;

 * Certidão de inscrição no curso, com indicação do número de anos em que esteve inscrito e do último ano curricular frequentado;

 * Fotocópia do plano de estudos do curso;

 * Comprovativo de não prescrição na escola de origem;

 * Comprovativo dos conteúdos programáticos das formações obtidas, nomeadamente, programas de disciplinas/unidades curriculares em que obteve aprovação (para efeito de creditação no novo ciclo de estudos, de acordo com o art.º45º do DL nº74/2006 de 24 de Março alterado pelo, alterado pelo DL nº 107/2008 de 25 de Junho).

No caso de estudantes provenientes de sistemas de ensino superior estrangeiros, a candidatura deverá ainda ser instruída com os seguintes documentos:

Documento da Direcção Geral do Ensino Superior a comprovar o nível do curso como superior pela legislação do país em causa em que esteve ou está matriculado e inscrito ou documento emitido pelos serviços do Ministério da tutela do país de origem, declarando que o curso é definido como de ensino superior pela legislação do respectivo país.

Todos os documentos têm que ser autenticados pelos serviços oficiais do respectivo país de origem e entregues em versão traduzida para português, com tradução reconhecida pela autoridade diplomática ou consular portuguesa ou trazer a apostilha da Convenção de Haia, não sendo obrigatória a tradução de documentos cuja língua original seja a espanhola, francesa ou inglesa, desde que devidamente autenticados.

VAGAS (em aprovação)

 CURSO

1º ano

Outros anos curriculares

Audiologia

1

a definir

Ciências Biomédicas Laboratoriais

1

a definir

Dietética e Nutrição

1

a definir

Engenharia de Segurança do Trabalho

0

a definir

Farmácia

1

a definir

Fisiologia Clínica

1

a definir

Fisioterapia

1

a definir

Imagem Médica e Radioterapia

1

a definir

Saúde Ambiental

2

 a definir

CALENDÁRIO DE AÇÕES | MUDANÇA DE PAR INSTITUIÇÃO/CURSO

 AÇÃO

 DE

 ATÉ

Apresentação das candidaturas

24 de julho 

29 de agosto

Afixação das listas seriadas

---

Até 29 de setembro

Reclamação sobre as colocações*

---

Até 5 dias úteis após a afixação dos editais

Decisão sobre as reclamações*

---

Até 10 dias úteis após a receção da reclamação

Matrícula e inscrição

---

30 de setembro até 18 de outubro

* As reclamações podem ser entregues ainda até ao fim do prazo previsto no Código do Procedimento Administrativo.

EMOLUMENTOS

A candidatura está sujeita ao pagamento de uma taxa de acordo com a TABELA DE EMOLUMENTOS e deverá ser paga através de multibanco depois de formalizada a inscrição.

LEGISLAÇÃO APLICÁVEL

 

® ESTESC | Todos os direitos Reservados.   POSI POSI EU W3C css W3C xhtml