• Notícias

Notícias

  • Publicidade Institucional
  • Estudante Internacional

ESTeSC assina Global Universities and Colleges Climate Letter

A Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra assinou a Global Universities and Colleges Climate Letter – movimento internacional com vista à implementação de medidas que permitam atingir o objetivo Carbono Zero no ano de 2030.

Ao assinar a carta, a ESTeSC é uma das três instituições portuguesas a assumir como compromisso a adoção de medidas com vista à eliminação carbónica, indo ao encontro dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas – designadamente no que respeita aos pontos 4 (Educação de Qualidade) e 13 (Ação Climática).

Para concretizar este objetivo, a Escola assume as seguintes medidas (subscritas neste documento):

  • Promoção da reciclagem junto da comunidade académica;

  • Uso racional de energia, nomeadamente através da utilização eficiente de sistemas de iluminação e ar condicionado;

  • Substituição progressiva de lâmpadas fluorescentes por lâmpadas led;

  • Implementação gradual de detetores de presença, com vista à redução do consumo desnecessário de energia;

  • Redução do desperdício alimentar na cantina, nomeadamente em parceria com a Refood;

  • Substituição preventiva de materiais e equipamentos que possam levar ao desperdício de água e eletricidade.

A curto prazo, a ESTeSC compromete-se ainda a:

  • desmaterializar a circulação de documentos;

  • apoiar a reflorestação e plantação de árvores para equilibrar emissões de CO2;

  • incentivar a reutilização de embalagens e redução de descartáveis (nomeadamente garrafas de água e chávenas de café);

  • promover campanhas de alerta para as questões ambientais. [ver documento]

Até ao momento, assinaram a Global Universities and Colleges Climate Letter 277 instituições de ensino superior de todo o mundo. Entre as três portuguesas que subscreveram o documento, estão a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra e o Instituto Politécnico de Coimbra.

"Este compromisso, de toda a comunidade, resulta do papel social que consideramos cumprir ao Ensino Superior em geral, e à ESTeSC em particular, pela actividade desenvolvida nesta área, ao nível do ensino e da investigação, bem como das várias iniciativas e eventos nacionais e internacionais, que foi organizando ao longo do tempo", justifica o presidente da ESTeSC, João José Joaquim. E acrescenta: "através do departamento de Saúde Ambiental e do Programa Eco-Escolas, a ESTeSC tem-se posicionado proativamente na educação da comunidade e na operacionalização de procedimentos e adoção de comportamentos que promovam a redução e/ou neutralização das emissões de carbono. Criar um futuro melhor atuando já, é o nosso compromisso".
 

® ESTESC | Todos os direitos Reservados.   POSI POSI EU W3C css W3C xhtml